“A vida é uma corrida longa”, diz Pedro Muffato

Lembranças de superações marcam a carreira do piloto de 83 anos às vésperas da corrida da Fórmula Truck em Cascavel

“Nunca se vence uma corrida na primeira curva”. As palavras calmas de Pedro Muffato, no auge dos seus 83 anos de idade – mais de 50 dedicados às pistas do automobilismo – saem com a calma de quem nem parece estar na eminência de mais um título em sua carreira: Campeão da Fórmula Truck 2023. Na liderança da competição com 241 pontos, ele ainda é ameaçado por Agostini, segundo, com a soma de 205 pontos.

Prestes a realizar esse feito, e levar o título da corrida de caminhões, o veterano piloto usa a mesma calma para dizer o que espera da corrida no dia 10 de dezembro, diante de sua torcida, no Autódromo Internacional Zilmar Beux, em Cascavel. “Vamos pensar quando estiver na pista. Primeiro, precisamos pensar nos pontos, depois no título”, argumenta.

Quando perguntado sobre o que lhe vem à memória quando pensa na última etapa da Fórmula Truck, mais de meio século depois de pisar fundo em um acelerador pela primeira vez, seu Pedro faz um ar nostálgico. “Nunca podemos esquecer daqueles que nos ajudaram nessa caminhada. Quando penso em minha carreira, lembro de todas as pessoas que oraram pela minha vida, quando fiquei entre a vida e a morte”, rememora ele, lembrando do gravíssimo acidente em 1996, a bordo de um Fórmula 3 quando foi atingido por outro carro a quase 200 km/hora. Internado em Cascavel e depois no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, Pedro Muffato ficou 16 dias em coma, com múltiplas fraturas e perfuração nos pulmões. Mesmo com o prognóstico de que nunca mais retornaria às pistas, ele se recuperou e voltou a pilotar caminhões. “O povo falava que não dava mais pra mim, mas sou meio teimoso, sabe?”, brinca ele.

Mesmo perguntado se na possibilidade de levar o título da Truck desta temporada, o experiente piloto se sai bem. “A vida é como uma corrida longa. Tem gente que é desesperada na largada, que quer chegar logo. Tudo têm seu tempo. Deve ser por isso que estou vivo ainda”, finaliza.

A largada para a última Etapa da Temporada 2023 será transmitida pela RedeTV! e no canal do Youtube da categoria. Pedro Muffato, que corre com caminhão Scania, tem apoio das marcas Muffatão, Açucareira Energy, Doce Sucar, LDP Peças, Coopavel e Disnorte.

(Thiago Soares/Grelak Comunicação)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *