Curitiba Cia de Dança apresenta seu novo espetáculo no 32º Festival de Dança de Cascavel

Com coreografia de Rosa Antuña e direção artística de Nicole Vanoni, Dançando Villa foi apresentado apenas na cidade de Londrina e vem como a segunda e mais inédita apresentação do festival
O 32º Festival de Dança de Cascavel entra em seu segundo dia de apresentações e na noite desta quinta-feira (18) apresenta o balé “Dançando Villa”, nova coreografia da Curitiba Cia de Dança, às 20h no Teatro Municipal Sefrin Filho. O novo espetáculo, que é gratuito para o público não terá cobrança de ingresso, apenas é sugerida a doação de 1kg de alimento não perecível. Esse espetáculo, que faz parte da 32ª edição do já consagrado festival de dança de Cascavel é uma realização da Curitiba Cia de Dança, em parceria com a Associação dos Amigos e Apoiadores da Dança de Curitiba (AADC), da Paraná Cultura Associação Cultural juntamente com a Prefeitura de Cascavel por meio da Secretaria de Cultura de Cascavel. O projeto é viabilizado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura, Ministério do Turismo – Secretaria Especial de Cultura/ Governo Federal, com o patrocínio da Sanepar, Bom Futuro, ACSO, TCP, AM, GreenPlac, Flexo Print Labels e Stampa e com o apoio cultural de VetorLOG e Torriton Beauty e Hair.

“Dançando Villa” inspira-se em Heitor Villa-Lobos (1887-1959), o mais importante e reconhecido maestro brasileiro, com atuação destacada no modernismo brasileiro. “Dançando Villa” referência sua música, sua vida e sua personalidade.  Em sua busca, Villa-Lobos abriu os ouvidos e o coração para o Brasil, para a cultura popular brasileira, sobretudo do nordeste e do norte do país, pois, nas primeiras décadas do século XX a musicalidade e a cultura destas regiões não chegavam com facilidade nas regiões sul e sudeste. Com a música de Villa-Lobos, o imaginário do Brasil para os brasileiros foi ampliado, explorando na música a diversidade cultural, identitária e sonora.

Neste novo espetáculo de dança contemporânea, Dançando Villa, Nicole Vanoni e Rosa Antuña buscam trazer lampejos das danças brasileiras, aliados a um estado corporal de entrega e à uma alma de sinceridade para a diversa e vasta cultura brasileira. O balé teve estreia no Festival de Londrina, que ocorreu na semana passada e, depois da apresentação no Festival de Dança de Cascavel, a Curitiba Cia de Dança apresentará “Dançando Villa” nas cidades de Umuarama (10/09) e em Guarapuava (17/09).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *