Penitenciária de Cascavel faz primeiro Conselho Disciplinar remoto

Por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a Penitenciária Estadual de Cascavel (PEC) fez a primeira reunião do Conselho Disciplinar da unidade por videoconferência. Além de representantes de diversos setores da unidade, a assembleia, que ocorreu na última quarta-feira (27/05), contou com a participação da Defensoria Pública do Estado.

“O Departamento Penitenciário do Paraná tem se modernizado e, com essas evoluções, percebemos o quanto isso ajuda nos trabalhos, principalmente em um período delicado como este, pelo qual passamos neste momento, por conta da Covid-19”, destacou o coordenador regional do Depen em Cascavel, Thiago Correia.

A reunião remota teve o objetivo de dar encaminhamento aos trabalhos da unidade, haja vista a restrição às unidades prisionais do estado. “É uma ação inédita na PEC e que visa agilizar trabalhos garantindo em sua totalidade a Lei de Execução Penal”, afirmou o diretor da Penitenciária, Sebastião Monteiro.

Esta primeira assembleia teve a participação da defensora pública Luana Neves Alves e de representantes da laborterapia, da psicologia, do serviço social, da pedagogia e da divisão de segurança da PEC. “Tudo se deu de acordo com o decreto 1.276 de outubro de 1995 do Estatuto Penitenciário do Estado”, ressaltou Monteiro.

Por ter dado certo, segundo o diretor da PEC, o Conselho Disciplinar, que ocorre a cada 15 dias, pode continuar sendo feito remotamente mesmo após o fim da pandemia. “Este é um trabalho que garante os direitos do preso. É, também, um grande avanço, uma vez que a defensoria pode participar de forma remota e contribuir para os trabalhos, orientando e defendendo o interno penalizado”, explicou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *